AMAZÔNIA – cor e poesia

No final de 2008 fui convidada a realizar uma exposição fotográfica como parte dos eventos do ARRAIAL FOTOGRÁFICO, realizado em Arraial D’Ajuda na Bahia. Organizei então a exposição AMAZÔNIA- cor e poesia que aconteceu no Centro Cultural de Porto Seguro em dezembro de 2008. Foi uma oportunidade incrível! Curti o astral fantástico de Arraial D’Ajuda, fiz algum grandes amigos e tive meu trabalho reconhecido por várias pessoas, entre elas o historiador Romeu Fontana.

Transcrevo aqui os comentários de Romeu Fontana sobre as exposições que ocorreram no Centro Cultural de Porto Seguro nesta oportunidade, que foram publicados no jornal Tribuna da Costa e outros canais de comunicação locais.

PEQUENOS COMENTÁRIOS SOBRE AS EXPOSIÇÕES DE FOTOGRAFIAS DO ARRAIAL FOTOGRÁFICO

POR ROMEU FONTANA

(5/12/08)

Numa cidade mercantilística como Porseguro, é difícil se fazer um evento cultural. Muito mais difícil ainda se fazer um de qualidade como a Exposição de Fotografias que foi feita na sexta passada no Centro de Cultura de Porseguro. Marianna Roballo e toda a equipe de produção têm que ser parabenizadas: não ficava devendo nada a nenhuma grande galeria do mundo (sim senhor, do mundo) fosse ela o MAM, MASP, MOMA, UFFIZI, LOUVRE ou a PINACOTECA DE MUNIQUE. Também não ficaria devendo nada a Armstrong, Bresson, Coda ou Sebastião Salgado. Eram fotografias para todos os gostos e caberiam em qualquer destes lugares.

Nas salas, fotografias artísticas e trabalhadas, onde a capacidade de criação e técnica do fotógrafo não tem limites. O que se via era uma técnica apuradíssima que às vezes saltava aos olhos dos menos avisados. O refinamento era latente para qualquer olhar que se fixasse em qualquer um dos trabalhos.

Na sala de fotografias marroquinas, além do cromatismo de naturezas mortas, molduras desfocadas transformavam a arte em mais uma, podemos até dizer, quase transfigurando a arte em si.

A fotógrafa Marianna Roballo com um trabalho refinado em preto e branco, mostrou o quanto o olho e a sensibilidade podem, muitas vezes, se juntar ou suplantar as técnicas. No entanto, com muita técnica e uma fotografia sensitiva – aquela em que a gente sente na alma a sensibilidade do fotografo e do fotografado – Marianna Roballo mostra um tipo de solidão sem se ser solitário, deixando transparecer o quanto a introspecção é importante e tem vida. Acho que a técnica de Marianna está no olho e na maneira dela olhar.

As fotos de Dani Remião, por serem da Amazônia, só começam a chamar a atenção depois que você começa a navegar e notar que não são mais algumas fotos da Amazônia iguais às muitas que estamos acostumados a ver, mostrando a exuberância das cores, mas sem vida. Ali, não. Vemos um olhar atento, arquitetônico, métrico, técnico, mas sobretudo, poético, tratando com o mesmo respeito a sombra e a luz, a cor e a não cor, chamando a atenção tanto para o seu azul morto-sombrio quanto para a sua tonalidade escura com muita vida, mostrando a sua competência com os contrastes, de um olhar selvagem, poético e doce. Pela grandeza e jovialidade que existem na sua obra a gente tem vontade de querer tocar e, muitas vezes, comer.

Anúncios

Sobre Dani Remião

Nasci na cidade de Porto Alegre em 1972. Estudei Arquitetura (UFRGS) e Artes Plásticas (UFAM), e me formei em Ciência da Computação (PUC-RS). Comecei a estudar Fotografia desde o curso de Arquitetura em 1990, e com o tempo se tornou minha atividade profissional. Mas se amador é aquele que faz por amor, serei para sempre amadora na arte de fotografar! Sou apaixonada pela Fotografia e admiradora das emoções. E poder registrar emoções através de fotos, fazer emocionar quem observa as imagens que capto com a câmera fotográfica ou provocar boas emoções em quem fotografo é o que torna pra mim fotografar fascinante... emoções! Sejam fotos de moda, retratos de beleza, registros emocionantes de momentos marcantes, casamentos, gestações, nascimentos, aniversários, sejam fotografias que captam a natureza em poesia, cores e ângulos em harmonia... com a câmera na mão e sensibilidade no olhar, busco a beleza em tudo o que vejo e coloco um pouco de mim em cada fotografia.   Dani Remião - www.daniremiao.com
Esse post foi publicado em Dani Remião na midia, Exposições Fotográficas, Natureza, Trabalhos Fotográficos e marcado , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s